Doces Coventuais
twitter facebook rss

Pastéis de Belém

A fabricação dos hoje designados “Pastéis de Belém” iniciou-se em 1834 próximo do Mosteiro dos Jerónimos em Lisboa, mas a história começa bem antes no inicio do século XIX. Nessa época funcionava próximo ao Mosteiro dos Jerónimos uma refinação de cana de açúcar que era também um pequeno comércio. Em 1820 com a revolução liberal são extintos os conventos e mosteiros existentes em Portugal. Foi nessa altura que alguém do mosteiro para sobreviver começou a confeccionar e a vender nesse comércio uns pastéis, feitos segunda uma antiga receita que existia nesse mosteiro. Mas foi só em 1837 que se iniciou o seu fabrico, em instalações próximas ao mosteiro, as mesmas onde ainda hoje são fabricados. Essa receita permanece desde essa época secreta, sendo conhecida apenas por um reduzido numero de mestres pasteleiros que os fabricam e podem apenas ser provados neste local.
A receita do doce conventual “Pasteis de Belém” que se segue não é obviamente a original já que essa é secreta, mas é aproximada.

pasteis-de-belem

INGREDIENTES
Para fazer a massa exterior
•    300 gramas de farinha
•    250 gramas margarina para folhados
•    Sal e água
Para fazer o creme de recheio
•    1/2 Litro de leite
•    9 Gemas
•    10 Colheres (sopa) de açúcar amarelo
•    1 Saqueta de leite-creme instantâneo
•    1 Colher de chá de farinha
•    1 Colher de chá de farinha Maizena
•    1 Pau de canela
•    1 Casca de limão
•    2 Colheres de chá de essência de baunilha em pó
•    Canela e/ou açúcar em pó a gosto para polvilhar

PREPARAÇÃO

  1. Se não quiser fazer a massa pode comprar massa folhada já pronta a usar em supermercado, já que esta massa é de difícil confecção. Em caso de comprar a massa passe ao passo (2.). Misture a farinha, o sal e a água; trabalhe a massa até ligar. Divida a margarina em 3 porções. Estenda a massa, espalhe sobre ela 1/3 da margarina e enrole como um tapete. Repita esta operação mais duas vezes, até acabar a margarina. No final deixe descansar 20 minutos.
  2. Corte a massa em círculos de cerca de 2cm de espessura, e coloque cada um numa forma indicada para este tipo de pastéis, abra a massa ate cobrir a forma.
  3. Aqueça o leite, não muito e dissolva a saqueta de leite-creme no leite. Leve as gemas batidas ao lume em banho-maria com o açúcar amarelo, o leite-creme dissolvido no leite, o pau de canela, a casca de limão, a farinha, a farinha maizena e a essência de baunilha até o preparado engrossar um pouco.
  4. Deixe aquecer um pouco e coloque uma porção do preparado dentro de cada forma, que a encha, mas não muito.
  5. Leve ao forno pré aquecido a 250º, cerca de 30 minutos (convém ir verificando), até ficarem dourados e tostados por cima.

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Submitted in: Receitas | Etiquetas:, , , , ,